Jump to content

Streaming Football : regarde les Matchs de Football en Direct Gratuitement


  • Promotion

Sniper

Portugal


Recommended Posts

Guest Pedroto

Mdr à l'ancienne ça a poser le mur.

Mais du coup Pizzi et Neves serve à rien. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que c'est affreux. On reconnaît bien Fernando Santos, dès qu'on a un minimum de pression il met toute l'équipe dans sa moitié de terrain. On aligne pas deux passes et l'Italie nous mange complètement, on arrive même pas à se dégager. 

 

 

Edited by Mika

Share this post


Link to post
Share on other sites

Moi qui était content de ne plus voir le Benfica de Vitoria pendant 2 semaines et voilà on a le Portugal de Santos façon euro 2016 :ninja:

 

Même pas besoin de dire que tel ou un tel n'est pas bon il n'y a rien eu à voir, à chier il n'y a rien à retenir :no: on se fait bouffer dans tous les sens

 

Par contre j'avais oublié à quel point les italiens pleuraient pour rien, ils ont déjà vu 5 pénaltys ces fous ils sont tellement gênants :no:

Edited by GloriosoSLB

Share this post


Link to post
Share on other sites

Si c'est pour jouer comme ça autant remettre des pieds carrés/besogneux comme Cedric, Adrien ou Danilo :no:

Bernardo et Cancelo qui font que défendre c'est un crime

Share this post


Link to post
Share on other sites

Voir Bernardo isolé sur son aile complètement sevré de ballons :(

Edited by Senhor Spinola

Share this post


Link to post
Share on other sites
il y a 14 minutes, Rony Lopes a dit :

 

Bernardo et Cancelo qui font que défendre c'est un crime

Cancelao tu veux dire

  • Haha 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

après l'Italie joue vraiment bien, les transmissions de balles, les passes courtes etc, tout leur réussit, même si on les aide vachement

Edited by kinjin

richieporte-winning-stage5-willunga-tourdownunder2018-660x330.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ne pas oublier qu'à l'aller l'Italie aurait pu gagner, vu le nombre d'occasions dangereuses qu'ils se sont procurées, Zaza se faisant plaisir, hormis la finition, dans notre défense.


850008Sanstitre1.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pourtant Zaza s'il était efficace (dans le tir ou la décision) on sortais pas avec 0 but encaissé.


850008Sanstitre1.png

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bon la 2ème mi-temps était meilleure, plus maîtrisée. Pas de quoi s'emballer mais je ne me souviens pas d'une grosse occasion italienne, ils avaient plus de jus ils ont tout donné en première :ninja:

 

Normalement je ne suis pas fan mais j'ai bien aimé l'entrée de Joao Mario il a été excellent, bien meilleur que Pizzi et surtout que Bernardo (si il ne s'appelait pas Bernardo Silva mais André Gomes tout le monde lui aurait chié dessus après ce match :ninja:)

 

Du coup on espère voir du football contre la Pologne il n'y a rien à perdre 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Arrête de faire celui qui ne sait pas, Cedric est une référence mondiale du point de vue défensif :bien:

 

(Cedric me fait penser à un André Almeida un peu meilleur, le mec est mauvais offensivement et a des pieds dégueulasses donc on le fait passer pour un "bon défenseur" alors que pas du tout il n'est pas meilleur qu'un autre :ninja:

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest Pedroto

A seleção portuguesa, campeã europeia em título, conquistou um lugar na final four da Liga das Nações, que vai organizar, ao empatar 0-0 em Itália, no seu terceiro encontro no Grupo 3 da Liga A.

Rui Patrício 7

Cumpriu na perfeição o papel de último bastião da defesa lusa e, durante o período de maior assédio transalpino, fez duas intervenções decisivas (5" e 35") para manter a equipa no rumo do apuramento.

 

João Cancelo 7

Nos primeiros minutos não teve mãos a medir face às combinações de Insigne com Biraghi, mas, com o decorrer dos minutos, acertou o posicionamento e revelou um dom de estar sempre no sítio certo. Quando teve oportunidade para subir no terreno acendeu sempre alarmes na defesa azzurra.

 

Rúben Dias 7

Revelou excelente sentido posicional e uma enorme dose de concentração, ganhando a maioria dos duelos pelo ar ou junto ao relvado.

 

Mário Rui 6

Foi o defesa que revelou mais dificuldades para travar os italianos, mas, recorrendo várias vezes ao "chutão", lá conseguiu manter a ordem no seu raio de ação. Arriscou dois remates à baliza de Donnarumma, mas ambos se revelaram inofensivos.

 

Rúben Neves 6

Face ao domínio territorial da Itália, bem evidente durante a primeira parte, o médio recuou no terreno e foi uma importante "muleta" para os centrais. Quando a pressão dos adversários deu alguma trégua revelou lucidez na primeira fase de construção.

William 6

É certo que não conseguiu ser tão exuberante como nos últimos jogos na Seleção, fruto do trabalho incansável de Verratti e Jorginho, mas foi importante na missão de manter o "forte". Tal como Rúben Neves, a sua participação a nível ofensivo cresceu quando começaram a faltar as pernas à Itália e foi aí que, num remate de pé esquerdo, obrigou Donnarumma à defesa da noite.

 

Pizzi 5

Muito bem controlado pelo meio-campo do adversário, o médio passou por enormes dificuldades para empurrar a equipa para a frente, alternando entre perdas de bola ou passes curtos laterais sem progressão no terreno.

 

Bernardo Silva 5

Fosse encostado pela direita ou pelo corredor central, para onde foi jogar após a saída de Pizzi, o criativo revelou dificuldades para lidar com o jogo físico dos transalpinos e raramente conseguiu arranjar espaço para fazer magia.

Bruma 6

Protagonizou duas iniciativas individuais, aos 11" e aos 53", e foi dos poucos que esticou o jogo com o intuito da equipa respirar face ao "massacre" a que estava a ser sujeita. Em ambas tinha a baliza como mira e só foi travado em falta.

 

André Silva 5

Abandonado na frente e à mercê de passes longos e precipitados, o avançado não conseguiu brilhar no seu regresso a Milão. Em uma ou outra ocasião podia ter optado por segurar a bola, mas a tentação de correr para a baliza, sem efeitos práticos, falou mais alto.

 

João Mário 6

Aos 74" rematou à meia-volta por cima, quando estava em boa posição na área. Nos descontos subiu bem pela direita, mas o passe para Raphael Guerreiro saiu com demasiada força.

 

Raphael Guerreiro 5

Foi lançado para extremo e foi uma preciosa ajuda para Mário Rui na missão de fechar o corredor esquerdo luso.

 

Danilo 5

Um bom corte de cabeça, para canto, no interior da área.


A FIGURA - José Fonte: 7

Fazer esquecer Pepe não é para qualquer um

Chamado para formar dupla com Rúben Dias na ausência do lesionado Pepe, o central do Lille vestiu o fato de xerife habitualmente usado pelo alagoano e impôs a sua lei no setor mais recuado da Seleção Nacional. Irrepreensível na forma como meteu Immobile no bolso, o campeão europeu ainda foi o "bombeiro" de serviço, apagando, à nascença, a maioria dos fogos que ameaçavam deflagrar junto à baliza de Rui Patrício. Quando os problemas não se resolviam através do excelente tempo de entrada à bola e da antecipação, José Fonte também mostrou saber sacrificar-se pela causa, como ficou bem visível aos 49 minutos: deu o corpo à bola para desviar um remate de Chiesa que tinha as redes de Rui Patrício como destino. Do alto dos seus 34 anos, o central do Lille mostrou ontem que ainda está para as curvas e, face ao que produziu em Milão, provou que ainda tem fibra para fazer parte do lote de centrais indiscutíveis aos olhos de Fernando Santos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

On a retrouver le Fonte de 2016, son passage en Chine l'avait bien affaibli lors du mondial. 


senna.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

  • Promotion

  • Promotion

×
×
  • Create New...